Produtora diz que James Bond continuará a ser homem e britânico no cinema

A produtora Barbara Broccoli, responsável pela franquia “007”, afirmou que o espião James Bond continuará sendo interpretado por um homem nos cinemas.
Ela ainda acrescentou que o ator precisa ser britânico, ao descrever o perfil do próximo intérprete do personagem, que será anunciado no ano que vem, seguindo-se a despedida de Daniel Craig da franquia em “007 – Sem Tempo Para Morrer”.
Em entrevista ao The Hollywood Reporter, Broccoli disse não estar convencida de que “uma mulher deva interpretar James Bond” e, por esse motivo, o personagem deve continuar sendo vivido por um homem.
“Acredito em criar novos personagens para as mulheres, em vez de colocá-las em personagens masculinos. Não há bons personagens femininos o bastante por aí, logo, é importante que se produzam filmes para mulheres e sobre mulheres”, declarou.
Mas se James Bond não deve passar por uma mudança de gênero, ela pode mudar de raça, desde que interpretado por um ator do Reino Unido, como, por exemplo, o cotado Idris Elba. “James Bond deve ser britânico e, por britânico, isso significa qualquer etnia ou raça”.
A opinião de Broccoli é compartilhada por Daniel Craig. Pouco antes da estreia de “Sem Tempo Para Morrer”, ele disse que, mais importante que uma mulher assumir o posto do 007, era a criação de personagens “tão bons” quanto o de Bond para ser vivido por atrizes.

Receba as novidades

Inscreva-se e entraremos em contato com você

Atores e Modelos
Entre em contato
#SouFive

Clientes

Conheça alguns clientes Five

2020 © Desenvolvido com  por T4M | This is For Media