fbpx

Globo exibe bastidores de gravação em chamada de Amor de Mãe

Fora do ar há quase um ano devido à pandemia da Covid-19, Amor de Mãe voltará à programação da Globo para exibir o desfecho em 1º de março.

Durante duas semanas, a Globo exibirá uma edição compacta do folhetim, que dividirá o horário nobre com a reta final da reprise de A Força do Querer. Após os capítulos com os fatos principais e mais marcantes, virão os inéditos a partir de 15 de março.

Serão apenas 23 capítulos inéditos nesta segunda fase. A produção foi obrigada a cortar 30 episódios, que totalizariam 155 ao todo.

A partir dos capítulos inéditos, a trama vai dar um salto temporal que mostrará a vida dos personagens de cabeça para baixo por conta da crise sanitária –a passagem, porém, não será medida em dias ou meses, mas pelo número de vítimas de Covid-19.

O primeiro capítulo inédito trará a marca de 9.000 mortos, que o Brasil atingiu em maio de 2020, para situar o público sobre o avanço do Sars-COV-2 dentro da história. A partir de então, a narrativa transcorrerá normalmente.

Manuela Dias precisou criar “bolhas” de convivência e evitar o cruzamento de núcleos, uma parte marcante de seu estilo narrativo, para diminuir o risco de contágio dentro do estúdio de gravação. Os atores, aliás, precisavam ficar pelo menos uma semana isolados em um hotel antes de gravar cenas que exigiam contato físico – como abraços, beijos, ou mesmo um tapa.

As máscaras serão artigo novo no figurino do elenco também.

 

Receba as novidades

Inscreva-se e entraremos em contato com você

Atores e Modelos
Entre em contato
#SouFive

Clientes

Conheça alguns clientes Five

2020 © Desenvolvido com  por T4M | This is For Media